Aguarde...

Brasil tem de superar preconceito

Para consultor, o empreendedor social deve ser visto como um empresário, cujos fins vão além do lucro

| ACidadeON/Ribeirao

Divulgação
Vinícius Nobrega diz que uma das atividades desenvolvidas por um empreendedor social é a criação de ideias úteis para resolver problemas sociais (Foto: Divulgação)

 

O Brasil precisa superar a ideia de que o trabalho com ações sociais deve ser gratuito, fruto de ações de voluntariado. Ou, em outras palavras, o empreendedorismo social é um negócio e deve permitir a quem trabalha com ele as condições necessárias para se sustentar.

Quem defende esse ponto de vista é o consultor da unidade de Ribeirão Preto do Sebrae-SP (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Vinicius Nóbrega, 30 anos.

“No Brasil, se alguém tem uma iniciativa de empreendedorismo tradicional, como criar uma indústria, um escritório de advocacia ou de prestação de serviços, é visto pela sociedade como uma pessoa bem-sucedida. No entanto, se faz alguma coisa com foco social, é criticada por ganhar dinheiro com isso”, disse.

Entre as atividades desenvolvidas por um empreendedor social estão, por exemplo, criar ideias úteis para resolver problemas sociais, combinando práticas e conhecimentos de inovação, utilização de enfoques baseados no mercado para resolver problemas sociais e a identificação de novos mercados e oportunidades para financiar uma missão social.

Agenda Ribeirão

Discutir o empreendedorismo social é o principal objetivo do Agenda Ribeirão, que será realizado em setembro. Será o segundo seminário do fórum, após o Agenda Araraquara, que ocorreu no dia 25 de agosto, em Araraquara. Após Ribeirão Preto, o Agenda será realizado em São Carlos (27/10) e Campinas (10/11).

QUEM ORGANIZA

Agenda Ribeirão 2017 é uma realização da Oceano Azul Eventos, tem o apoio institucional da EPTV e apoio do A Cidade, CBN Ribeirão, Jovem Pan Ribeirão e portal ACidade ON em Ribeirão, Araraquara, São Carlos e Campinas.

15 DE SETEMBRO

O Agenda Araraquara será realizado no dia 15 de setembro, a partir das 8h30, no auditório doa Faap (Fundação Armando Alvares Pentado). A entrada é gratuita e a participação, aberta a todos após a apresentação dos convidados.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Veja também